sexta-feira, 29 de Abril de 2011

Chove chuva...

Meu Deus, desandou a chover em Salvador e não acaba mais! Quanta água São Pedro manda! Segundo os moradores da capital baiana, o inverno aqui é chuvoso, o solzinho aparece, mas a chuva rola solta...

Não gosto de muita chuva, uma lá de vez em quando faz bem para a natureza, só que todos os dias ninguém merece! Já se vão dois dias chovendo...

Hoje foi a prova de orientação militar da Escola de Formação Complementar do Exército - onde estou desde o começo de março. Participei debaixo d'água. Mal conseguia ler o mapa indicando os pontos onde tínhamos que passar. O percurso era pequeno, pouco mais de 4km... o ruim era correr em meio ao lamaçal e à água que não parava. Rolava aqui, caía ali, uns arranhões no braço e outros nas pernas... missão cumprida! Nosso grupamento(turma) venceu as Olimpíadas do Curso de Formação de Oficiais!

domingo, 24 de Abril de 2011

Feliz Páscoa!

Aqui na Bahia, o coelhinho da Páscoa contou com a ajuda das tartaruguinhas...



Feliz Páscoa a todos! Que o verdadeiro sentido desta data seja lembrado.

Beijo

sábado, 23 de Abril de 2011

Forte

Pura história...


Aproveitei o passeio para conhecer o famoso Castelo da Torre, construído em 1551 por Garcia D'Avila. Além de ter sido a primeira grande edificação portuguesa no Brasil, ele é o único em estilo medieval já construído na América - fantástico!!!

Mara!!!

Como diria minha amiga e ex-colega de RBS TV, Letícia Luvison, a Praia do Forte é maraaaaaaaaaa!!! Realmente o lugar é espetacular. Assim que cheguei, fui conferir o trabalho do pessoal do Projeto Tamar, de defesa das tartarugas marinhas - muito bacana e comovente. Vimos algumas tartarugas machucadas sendo tratadas com cuidado pelo pessoal do Ibama/ICMBio (Instituto Chico Mendes de Preservação Ambiental). Segundo relatos, os animais ficam presos em redes de pesca e acabam tendo os membros decepados.

Uma exposição auto-explicativa sobre as tartarugas também pode ser conferida e algumas curiosidades... você sabia que das sete espécies de tartarugas marinhas que existem no mundo, cinco estão na costa brasileira? E que o sexo desses animais é definido pela temperatura ambiente na segunda semana em que os ovos estão chocando? Na Bahia, 80% dos nascimentos são de fêmeas.

A bichona ilustrada aí na foto é a Tartaruga de Couro, que chega a medir quase 3m e pesar até 900kg.

sexta-feira, 22 de Abril de 2011

Praia do Forte

Amanhã o dia será de tour pela Bahia...estou pensando em dar um pulinho na famosa Praia do Forte. O que acham?

:)

Mães de Chico

Aproveitei o feriado de Páscoa para assistir ao filme Mães de Chico, que está em cartaz nos principais cinemas do país. Mais uma vez, acabei me surpreendendo com as mensagens. Algumas lições pareceram óbvias no final, mas como não havia pensado nelas antes? É gente, a vida é assim: simples para quem souber ver. Na maioria das vezes, procuramos respostas onde não há e sequer somos capazes de enxergar o que está do nosso lado.

Em algumas cenas, a questão do aborto é tratada com argumentos consistentes e convincentes sobre o mal que se pratica ao tirar a vida de um feto. Os críticos ao assunto deveriam assistir para tirar suas próprias conclusões.

quinta-feira, 21 de Abril de 2011

Código Florestal

O site G1 publicou hoje uma entrevista com o relator do Código Florestal no Congresso, deputado Aldo Rebelo, falando das dificuldades para atualizar a legislação ambiental no que se refere às propriedades rurais. Confira!

Governo quer acabar com agricultura familiar, diz relator do Código Florestal Proposta do governo sugere a relator reserva legal para pequeno produtor.

Ministério diz que, se não houver acordo, apresentará emenda no plenário.

Mariana Oliveira
Do G1, em Brasília

                                                             
      Deputado Aldo Rebelo, relator do Código Florestal, em seu gabinete (Foto: Mariana Oliveira / G1)

Relator do projeto de reforma do Código Florestal, o deputado federal Aldo Rebelo (PC do B-SP) afirma que o governo propõe o “extermínio" da agricultura familiar ao pedir que os pequenos produtores tenham área de reserva legal dentro de suas propriedades.

Em entrevista ao G1 nesta quarta (20),  Rebelo disse que os pequenos não têm condições de separar uma parcela da área da propriedade usada para o cultivo a fim de  destiná-la à preservação.
O relatório de Aldo Rebelo, ex-presidente da Câmara dos Deputados e integrante da base do governo, prevê a isenção da reserva legal  para propriedades de até quatro módulos fiscais.

A reserva legal é um percentual dentro da propriedade que deve ser preservado – varia conforme a região. O tamanho exato de cada módulo também é diferente em cada região.

Rebelo recebeu nesta semana a posição do governo sobre o código e sugestões de alteração em seu relatório. No documento, o governo se posicionou contra dispensar reserva legal para os pequenos.
“Me apresentaram como solução para o problema, mas isso eu não vou adotar [no relatório]. Se o governo quiser, vai ter que mobilizar os partidos. Não vou fazer porque considero socialmente uma tragédia. É o mesmo que decretar o extermínio de uma parte da agricultura familiar.”

O ministro da Agricultura, Wagner Rossi, afirmou na quarta-feira (20) que há consenso em vários pontos, exceto na reserva legal. Apontou que o Ministério do Meio Ambiente não quer a isenção para ninguém. “Não houve solução deste problema”, afirmou.

O Ministério do Meio Ambiente disse, por meio de sua assessoria, que o governo enviou a Rebelo uma proposta de consenso e não fará concessões. Disse que há intenção de apresentação de emenda no plenário para propostas que não forem incluídas no relatório.

 O  deputado diz ainda há consenso de “95% a 97%” do texto, e que fará ainda “pequenas alterações” até o começo de maio. O presidente da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), informou que o código vai à votação em 3 e 4 de maio.

Confira  os principais trechos da entrevista.

Vida nova

Andei sumida por um bom motivo. Há um mês desembarquei em Salvador, onde fico até o final do ano fazendo um curso. A cidade realmente é alto astral, cheia de vida... e o povo amigo e tranquilo. No entanto, algumas coisas me chocaram na cidade, como o descaso com a limpeza - muito lixo nas ruas e nas praias. Esses dias saí para caminhar na orla da Pituba e para a minha surpresa um caminhão estava descarregando todo o tipo de lixo na areia em frente ao mar! Fiquei chocada!!! As pessoas passavam como se aquilo fosse a coisa mais normal do mundo! Na hora, pensei no meio ambiente... onde estão os defensores da natureza? Será que o discurso do verde, do Brasil limpo fica apenas nos saguões do Congresso Nacional?

Enquanto eu matutava sobre a situação e como resolver o problema, lembrei também das discussões sobre o código florestal em Brasília - demarcação de reservas legais em propriedades rurais, blá, blá, blá... extremamente importantes, sem dúvida. Mas acho que as pessoas estão esquecendo das coisas do dia a dia...

quarta-feira, 23 de Fevereiro de 2011

Os prazeres da vida

No aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, comprei o livro Comer, Rezar e Amar, de Elizabeth Gilbert. Desde então tenho passados algumas boas horas, lendo o best seller. Além de jornalista, temos algumas coisas em comum, ultimamente a comida (risos). Não faço outra coisa neste Rio Grande que não seja comer (ainda bem que me exercito)!!!

Para quem tem interesse na história: "Buscando tempo e espaço para descobrir quem era e o que realmente queria, Liz Gilbert se livrou de tudo, demitiu-se do emprego e partiu para uma viagem de um ano pelo mundo - sozinha. Comer, Rezar e Amar é a envolvente história crônica desse ano". Está aí uma ótima dica de leitura!